Siga-nos!

Política

Vale lembrar! PT indicou 7 dos 11 atuais ministros do STF

Lula e Dilma foram responsáveis por indicação de quase 70% do Supremo

Publicado

em

ANÚNCIO

O alinhamento ideológico dos membros do Supremo Tribunal Federal (STF) e o autoritarismo que vem sendo protagonizado nas ações da Corte demonstram bem a forte influência da extrema-esquerda no Poder Judiciário, com a indicação de 7 dos 11 atuais ministros da Corte feita pelo Partido dos Trabalhadores (PT).

Somente a gestão Lula e Dilma são responsáveis por indicar quase 70% do Supremo, o que explicaria o silêncio dos ministros diante de atos antidemocráticos praticados por movimentos ligados ao PT, que promovem vandalismo, violência e ameaças aos opositores.

ANÚNCIO

Além de colecionar privilégios que são praticamente um deboche diante da situação da sociedade brasileira, os ministros do Supremo tem um período de mandato indefinido, podendo ocupar o cargo por décadas, como nos casos dos ministros Celso de Mello e Marco Aurélio Mello, com 31 e 30 anos de atuação no STF, respectivamente.

A formação da Corte não tem critérios técnicos, podendo ser formada por membros como Dias Toffoli, presidente do Supremo e ex-advogado do PT, que nunca conseguiu passar em concurso público para juiz, mas acabou recebendo a indicação do ex-presidente Lula.

Para chegar ao topo da carreira do Judiciário, o indicado não precisa nem de formação em Direito, basta apenas um padrinho que ocupe uma cadeira na Presidência da República, que o indicará para uma sabatina no Senado Federal, onde dificilmente o nome será rejeitado.

ANÚNCIO
ANÚNCIO