Siga-nos!

Mundo

Para atender muçulmanos, Reino Unido quer mudar termo “terrorismo islâmico”

Polícia do Reino Unido já estuda forma de evitar termos ligados ao Islã.

Publicado

em

ANÚNCIO

A polícia do Reino Unidos pretende deixar de usar o termo “terrorismo islâmico” para usar “terrorismo reivindicado pela fé”, depois de reivindicação de uma organização muçulmana.

“A reforma foi solicitada por uma organização policial muçulmana que condenou o uso oficial das palavras ‘islâmico’ e ‘jihadi’ por percepções e estereótipos negativos, discriminação e islamofobia”, relata o London Times.

ANÚNCIO

A questão teria sido discutida, segundo relatório, pelo comissário assistente Nael Basu, chefe nacional de policiamento antiterrorista, durante um evento online que envolveu acadêmicos e grupos de defesa.

Outros temas também foram sugeridos para não se referir aos radicais muçulmanos, como “terroristas que abusam de motivações religiosas” e “adeptos da ideologia de Osama bin Laden”, com o propósito de não citar “terrorismo islâmico” ou palavras relacionadas ao Islã.

Este assunto acabou gerando debates nas redes sociais, onde muitos usuários acusaram a busca por alteração dos termos como uma forma de esconder a realidade da principal ideologia que conduz o terrorismo.

ANÚNCIO

“Portanto, apesar de ser um retrato preciso dos autores, devido ao vasto tsunami de PCs subindo pela praia, eles estão pensando em turvar as águas! Hora de perceber que nem tudo é dito com um viés cruel hoje em dia ”, comentou um.

ANÚNCIO