Siga-nos!

Política

Prefeitura do Rio autoriza reabertura da igrejas e templos religiosos

Marcelo Crivella vinha recebendo críticas por ignorar decreto presidencial.

Publicado

em

ANÚNCIO

O prefeito da cidade do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, anunciou nesta segunda-feira (25) a publicação de um decreto no Diário Oficial para permitir a reabertura de igrejas e templos religiosos. Algumas regras deverão ser aplicadas para a retomada das atividades.

Entre o que deve ser adotado, está a obrigatoriedade de álcool em gel, distanciamento mínimo de dois metros entre frequentadores e o uso de máscara obrigatório nas dependências dos templos.

ANÚNCIO

Crivella justificou a medida devido ao fato de ”as instituições religiosas têm sofrido interferências e embaraços indevidos em seu funcionamento, praticados por ações equivocadas dos agentes públicos” e que ”cabe à prefeitura a autorização para a expedição de templos religiosos”.

O bispo licenciado da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) vinha sofrendo críticas, o que pode ter levado a decisão de reabrir os cultos, sem nenhuma imposição sobre a presença de idosos ou pessoas do grupo de risco.

Em março, o presidente Jair Bolsonaro editou decreto que tornava as atividades religiosas como essenciais, mas acabou sendo ignorado por diversos prefeitos, incluindo Crivella, que preferiu seguir a imposição do governador Wilson Witzel, que proibiu aglomerações de qualquer tipo.

ANÚNCIO
ANÚNCIO