Siga-nos!

Sociedade

Nova série infantil da Netflix tem personagem “transgênero” de 9 anos

Mãe da criança se identifica como “conservadora” e “seguidora de Jesus”.

Michael Caceres

Publicado

em

Criança trans (Foto: Reprodução / Netflix)

A Netflix convidou um garoto de 9 anos que vive como menina para interpretar um personagem trans na releitura do programa dos anos 90 “The Baby-Sitters Club” (O Clube das Babás).

Nascida como menino e com o nome de Joseph, a criança do Texas passou a viver como uma menina por insistência dos país e que deveria ter permissão para usar o banheiro das meninas, adotando o nome de Kai Shappley e passando a viver como uma garota.

Desde o ano de 2016 os pais da criança a expõem em disputas judiciais, como a que protagonizaram contra o Distrito Escolar Independente de Pearland, quando o menino foi proibido de usar o banheiro feminino, como desejava, segundo informações da KRIV-TV.

Na época, a escola ainda tentou solucionar o caso oferecendo um banheiro neutro para a criança, mas não agradou a família, que decidiu se mudar para Austin, acreditando que o desejo de usar o banheiro das meninas seria alcançado.

Os país do menino alegam que a criança passou a afirmar ser menina aos 2 ou 3 anos de idade, o que passou a ser incentivado e acabou levando a criança a adotar a identidade oposto ao sexo biológico.

Kimberly Shappley, mãe da criança, identifica-se como “uma seguidora de Jesus” e  falou  sobre como sua “fé cristã” e sua visão “política conservadora” coexistem com sua visão sobre “transgenerismo”.

Trending