Siga-nos!

Mundo

Maioria dos anglicanos acredita que casais gays têm o direito de se casar

A Igreja da Inglaterra é contra a união entre pessoas do mesmo sexo

Avatar

Publicado

em

Justin Welby, líder da Igreja Anglicana. (Foto: REUTERS / Luke MacGregor)

Uma nova pesquisa realizada pela Yougov mostra que a maioria dos anglicanos acredita que casais gays têm o direito de se casar.

A posição oficial da Igreja da Inglaterra é contra os relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo, ainda assim, mais de dois terços dos anglicanos com 50 anos ou menos acha correto este tipo de relação.Uma reportagem do Telegraph lembra que a mesma pesquisa foi realizada em 2013 e 2016.

O resultado do estudo realizado na semana passada mostra um aumento acentuado no número de anglicanos que acreditam que o casamento entre pessoas do mesmo sexo está certo (de 38% em 2013 para 48% em 2020) e uma redução acentuada nos números que acreditam estar errado (de 47% em 2013 para 34% em 2020).

“Esses resultados mostram que aqueles que se opõem ao casamento entre pessoas do mesmo sexo estão agora claramente em minoria”, comemora Jayne Ozanne, diretora da Yougov, importante voz entre os gays anglicanos.

Ela questiona que a igreja mantenha se posicionamento contrário ao casamento entre pessoas do mesmo sexo enquanto os membros da igreja estão cada vez mais abertos para estes relacionamentos.

A pesquisa do YouGov entrevistou 5169 pessoas no total na Grã-Bretanha, incluindo 1.171 anglicanos na Inglaterra.

Os resultados também mostram que aqueles que se identificam como anglicanos na Inglaterra ficam atrás do público em geral, com a maioria dos entrevistados britânicos (60%) em apoio e apenas um quarto (24%) contra.

Trending