Siga-nos!

EUA anunciam envio de 2 milhões de doses de hidroxicloroquina ao Brasil

Brasil e Estados Unidos também atuarão juntos em pesquisa contra a Covid-19.

Michael Caceres

Publicado

em

Jair Bolsonaro com uma caixa de cloroquina (Reprodução)

O governo dos Estados Unidos anunciou neste domingo (31) o envio de 2 milhões de doses de hidroxicloroquina ao Brasil, como forma de colaborar com o tratamento contra a covid-19.

A Casa Branca também anunciou que em breve enviarão 1.000 ventiladores mecânicos (respiradores).

A hidroxicloroquina passou a ser usada no Brasil por recomendação do Ministério da Saúde, já que a droga tem dado alguns resultados positivos no combate ao coronavírus, apesar de haver resistência por parte da imprensa e de alguns cientistas, alegando falta de estudos na eficácia do medicamento.

Desde o início da pandemia por coronavírus o presidente Jair Bolsonaro defende o uso do medicamento para os casos da doença, sendo que o próprio presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que vem usando hidroxicloroquina para prevenção.

“Muitas coisas boas surgiram sobre o hidroxi. Você ficaria surpreso com quantas pessoas estão tomando, especialmente os trabalhadores da linha de frente – antes de pegá-lo”, disse Trump em discurso na Casa Branca.

Além dos medicamentos enviados, Brasil e Estados Unidos reforçarão em conjunto uma série de pesquisas com ensaios clínicos controlados e randomizados. “Esses ensaios ajudarão a avaliar ainda mais a segurança e a eficácia do HCQ para a profilaxia e o tratamento precoce do coronavírus”, informou a Casa Branca, em nota.

“No futuro, os Estados Unidos e o Brasil permanecerão em estreita coordenação na luta compartilhada contra a pandemia de coronavírus e na resposta regional em andamento para salvaguardar a saúde pública, limitar ainda mais a disseminação do coronavírus, promover o desenvolvimento precoce de uma vacina e salvar vidas”, acrescentou.

Trending