Siga-nos!

Política

Em nota, PT se solidariza com vândalos em manifestações de rua

Sigla chama envolvidos em atos de “militantes democráticos”.

Michael Caceres

Publicado

em

Gleisi Hoffmann
Gleisi Hoffmann. (Foto: Reprodução / Twitter)

O Partido dos Trabalhadores (PT) divulgou nota em apoio aos vândalos que vêm provocando quebra-quebra e violência em manifestações “antifascistas”.

A nota é assinada por Gleisi Hoffmann, presidente Nacional do partido, Enio Verri, líder da bancada do PT na Câmara dos Deputados e Rogério Carvalho, líder da bancada do PT no Senado Federal.

Eles chamam os envolvidos nos atos de “militantes democráticos”.

“As manifestações pacíficas de rua contra Bolsonaro e o fascismo são o fato novo na luta pela democracia e pela vida no Brasil”, introduz o texto.

Em outro trecho da nota, o partido diz que “a tentativa de criminalização dos movimentos sociais e populares e das manifestações democráticas visa a naturalizar o projeto neofascista e autoritário do atual governo”.

Ao final, o texto ainda afirma que os movimentos e manifestações são “pacíficas e em defesa da democracia no Brasil”, desconsiderando as lojas que foram vandalizadas, a queima da bandeira brasileira e as agressões promovidas durante as manifestações.

Trending