Siga-nos!

Sociedade

Macedo fala sobre coronavírus e cita satanás e interesses econômicos

Bispo lembrou que o diabo “trabalho com medo, pavor e dúvida”

Publicado

em

ANÚNCIO

O bispo Edir Macedo, líder e fundador da Igreja Universal do Reino de Deus, falou sobre o novo coronavírus, Covid-19, em seu programa “Palavra Amiga”. Macedo afirma que as pessoas não deveriam estar preocupadas com a doença citando satanás como causador do medo e pavor.

Para ele, “as pessoas estão apavoradas por algo que verdadeiramente não condiz com a realidade que a mídia tem jogado no ar”. Ele acredita que a mídia tem disseminado pavor e deixado a população e as nações apavoradas.

ANÚNCIO

O bispo cita também um interesse econômico por traz da pandemia. “Por trás dessa campanha toda do coronavírus existe um interesse econômico, e onde há interesse econômico, aí tem”, afirma.

Ele lembra que satanás trabalha com “medo, com o pavor, com a dúvida”. “E quando as pessoas ficam apavoradas, ficam com medo ou com dúvida, as pessoas ficam fracas, débeis e suscetíveis. Qualquer ventinho que tiver é uma pneumonia para elas”, declarou.

ANÚNCIO

O Brasil passou de 121 para 200 casos confirmados da doença, segundo informou o Ministério da Saúde. São monitoradas 1.913 pessoas por suspeita de infecção. Várias igrejas pelo país estão cancelando seus cultos em razão das orientações passadas por autoridades sanitárias.

O pastor norte-americano Shawn Bolz, que profetizou o fim do coronavírus, ensinou um modelo de oração para que cristãos de todo mundo possam se inspirar.

ANÚNCIO

Filho, esposo e pai.