Siga-nos!

Desigrejados são responsáveis por si mesmos diante de Deus, lembra pastor

Anderson Silva levanta alguns questionamentos a respeito do movimento desigrejados

Avatar

Publicado

em

Pastor Anderson Silva. (Foto: Reprodução / Facebook)

Pesquisas mostram que o número de desigrejados aumenta no Brasil, o fenômeno se refere a evangélicos que não frequentam mais uma denominação, mas que continuariam seguindo os preceitos da religião e suas confissões de fé.

Para o pastor Anderson Silva, quando se fala de desigrejados muitos pensam apenas em um lado da moeda que seriam líderes e igrejas que deram mau testemunho, feriram, desonraram, roubaram ou manipularam seus fiéis, distanciando-os do Corpo.

Porém há o outro lado da moeda. “Para cada ruptura, rompimento, nós vamos adquirindo maus hábitos. O meu único problema com o movimento desigrejado, ou pessoas desigrejadas, não é o seu reencontro de fé ou a sua redefinição do que é igreja, ou pensar e viver igreja junto com outros irmãos, porque a igreja não é determinada por um CNPJ ou uma estrutura”, diz.

O pastor ensina que o a “Igreja é movimento dos redimidos” e que ao deixar a igreja, os desigrejados vão deixando para trás elementos que não deveriam ser abandonados. “Esse pensar atual de como é ser igreja não poderia deixar nada histórico do que é ser igreja para trás”, ensina.

“Você pode fazer e ser igreja em qualquer lugar, mas a definição bíblica do que é ser igreja acompanha todos os termos e o peso dos termos, o peso daquilo que saiu da boca de Deus. Então os movimentos pós-igreja, por causa das feridas que carregam, autorizam sua carnalidade a partir desse fenômeno”.

Anderson Silva cita que a santidade, a inerrância bíblica, a totalidade das Escrituras, o senhorio de Jesus, a confissão, são elementos que não podem ser deixados para trás. “Os movimentos desigrejados celebram uma graça e uma liberdade negativa, que declina, que não aproxima o cara de Deus e nem atrai a presença de Deus para grandes obras”.

Assista:

Desigrejados, são responsáveis por si mesmos diante de Deus! Não somos responsáveis pelas ações alheias, mas somos responsáveis por nossas reações.

Posted by Pastor Anderson Silva on Monday, August 5, 2019

Trending