Siga-nos!

Católicos temem que lei de crimes de ódio criminalize a Bíblia

Cristãos temem que lei se volte contra a liberdade religiosa.

Michael Caceres

Publicado

em

Padre Católico (Foto: Reprodução/Pexels)

A Igreja Católica da Escócia alertou para a aprovação de uma lei que pode criminalizar a Bíblia. A nova legislação tratará de “crimes de ódio” e coloca em risco a liberdade de expressão.

Segundo a nova legislação que está sendo avaliada em Edimburgo, capital da Escócia, grupos que “incitarem o ódio” poderão sofrer punições criminais.

Temores de que a lei se volte contra a liberdade religiosa provocaram uma reação, já que existe a possibilidade de as pessoas serem acusadas por comentários considerados ofensivos, mesmo que não fosse a intenção, como uma citação bíblica.

Anthony Horan, diretor do Gabinete Parlamentar Católico, disse que poderia entupir os tribunais, sufocar a liberdade de expressão e consagrar uma “cultura de cancelamento” prejudicial.

Ele também alegou que os cristãos temem que possam acabar no banco dos réus por expressar opiniões bíblicas sobre o casamento entre pessoas do mesmo sexo ou planos opostos para tornar mais fácil.

Trending