Siga-nos!

Política

Bolsonaro diz na ONU que Brasil é cristão e pede combate à cristofobia

Presidente da República enalteceu acordos de paz envolvendo Israel.

Publicado

em

ANÚNCIO

O presidente Jair Bolsonaro disse, nesta terça-feira (22), em discurso na Assembleia das Nações Unidas (ONU) que o Brasil é uma país cristão e conservador, além de pedir combate à cristofobia.

Por causa da pandemia de Covid-19, a reunião da ONU neste ano, baseada na sede da entidade em Nova York, é virtual e o discurso foi gravado pelo presidente da República.

ANÚNCIO

Ao apelar à comunidade internacional pelo combate à cristofobia, em defesa da liberdade religiosa, o presidente lembrou que o país é “conservador, cristão, que tem a família como base”.

“Faço um apelo a toda a comunidade internacional pela liberdade religiosa e pelo combate à cristofobia”, disse.

Bolsonaro também enalteceu os acordos de paz costurados pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para promover a paz de nações árabes com Israel.

ANÚNCIO

“[São] três países amigos do Brasil, com os quais ampliamos imensamente nossas relações durante o meu governo”, disse.

Assista:

ANÚNCIO