Siga-nos!

Sociedade

Bahia vive “enxame de terremotos” com 11 tremores em 24h

Atividade sísmica mais forte foi registrada em Amargosa, no Recôncavo Baiano.

Publicado

em

ANÚNCIO

Nas últimas 24 horas, pelo menos 11 tremores foram sentidos no estado da Bahia em decorrência dos chamados “exames sísmicos”, quando acontece uma série de abalos em diferentes locais por uma espécie de “viagem” destes abalos para outras regiões.

Uma das localidades atingida foi o distrito de Corda Mão, em Amargosa, no Recôncavo Baiano, que levou moradores a deixar suas casas na manhã do último domingo, 30 de agosto, para tentar entender o que estava acontecendo. Os tremores chegaram a atingir 4,6 de magnitude na Escala Richter.

ANÚNCIO

Outros tremores também foram sentidos em Valença, no baixo-sul da Bahia, e até em Salvador, a 162 quilômetros de distância de Amargosa. Também foram sentidos tremores em Brejões e Elísio Medrado, de acordo com o Centro de Sismologia da Universidade de São Paulo (SP).

A prefeitura municipal de Amargosa registrou rachaduras em seis casas e numa igreja católica da região. O primeiro terremoto registrado neste ano, na Bahia, foi na manhã do dia 28 de julho, no município de Ilhéus, no Sul do Estado. Foi um abalo de 3,5 de magnitude.

Rachadura provocada por terremoto na Bahia

Rachadura provocada por terremoto na Bahia (Foto: Reprodução/TV Bahia)

ANÚNCIO
ANÚNCIO