Siga-nos!

Opinião

A fita que a Janaina Pascoal viu pode reeleger Bolsonaro em 2022

Uma bala atirada ao céu pode descer e atingir quem a atirou.

Publicado

em

ANÚNCIO

Quem achou que a fita que o STF disponibilizou para a mídia iria derrubar o governo, podemos dizer que o ‘tiro saiu pela culatra’.

O presidente apenas afirmou tudo aquilo que já havia dito no discurso de campanha: defesa da família, das liberdades individuais, do livre mercado, do armamento civil para que “o povo não seja escravizado por uma ditatura” etc. O Supremo Tribunal Federal fez uma campanha eleitoral antecipada gratuita para o presidente em exercício.

ANÚNCIO

A fita que a Janaina Pascoal viu revela que a guerra política não pode ter manipulações externas, e que uma bala atirada ao céu pode descer e atingir que a atirou.

As provocações de alguns dos governadores e prefeitos, a distorção de fatos e manipulação sensacionalista de frases isoladas por parte de alguns veículos de imprensa ou mesmo os desmandos autoritários dos ministros do STF, curiosamente podem servir como provas contra quem tenta usar a própria democracia para tentar um enfraquecimento de um governo que foi democraticamente eleito com mais de 57 milhões de votos.

A História está em curso e temos ainda mais desdobramentos neste caldeirão político. Contudo, a fisionomia do ex-ministro da Justiça e Segurança Pública, Sérgio Moro, também nos serve como prova de que os intentos do mesmo eram mais antigos do que se aparentou.

ANÚNCIO

Não se engane. Não há inocente neste jogo e ninguém é bobo. Estamos falando de uma ruptura de décadas de governos de esquerda e centro-esquerda, o que não agrada a muita gente.

Só que a impressão que fica é que estes algozes do atual presidente terão muitas dificuldades de arruinar de vez com a popularidade deste homem que fala muitas vezes sem pensar, mas que consegue ser autêntico e defender os mesmos valores que o elegeram em reuniões privadas.

ANÚNCIO

Casado com Ana Talita, seminarista e colunista no site Gospel Prime. É pregador do evangelho, palestrante para família e casais, compositor, escritor, músico, serve no ministério dos adolescentes da Betânia Igreja Batista (Sulacap - RJ), na juventude da PIB de Vilar Carioca e no ministério paraeclesiástico chamado Entre Jovens. Em 2016, publicou um livro intitulado “Aos maridos: princípios do casamento para quem deseja ouvir”.