Siga-nos!

Política

“A esquerda é defensora de tudo que é abominável”, afirma Damares

Ministra rebateu críticas do deputado David Miranda.

Publicado

em

ANÚNCIO

A ministra da Mulher Família e Direitos Humanos, Damares Alves, subiu o tom ao se referir a esquerda, após ter sido acusada de racismo pelo deputado David Miranda (PSOL-RJ), devido sua posição contrária ao infanticídio cometido por indígenas.

O deputado carioca, que herdou o cargo do ex-deputado Jean Wyllys, criticou a ministra pela sua atuação em defesa das crianças que são sacrificadas em rituais em tribos do país.

ANÚNCIO

Damares usou as redes sociais para rebater às críticas de partidos de esquerda e chegou a afirmar sentir “nojo” do PSOL, ao qual Miranda faz parte.

“A esquerda é defensora de tudo que é abominável. David Miranda, cria do PSOL, criticou a ministra Damares por defender crianças indígenas de rituais de infanticídio. Tenho nojo do PSOL”, declarou Damares.

Além do deputado David Miranda, também criticaram o trabalho da ministra a deputada Maria do Rosário  (PT-RS) e o deputado Júlio Delgado (PSB-MG).

ANÚNCIO
ANÚNCIO